Associações entre impulsividade, compulsão alimentar e obesidade em adolescentes

Cibele Pereira, Ethel Zimberg Chehter

Resumo


A impulsividade pode ser importante componente no âmbito da compulsão alimentar e obesidade. Objetivo: Apresentação de um protocolo com a utilização do Teste Palográfico para medida da impulsividade. Métodos: 60 adolescentes (10-20 anos; Md: 13,97 anos; DP 2,17) de ambos os sexos foram avaliados quanto ao IMC, compulsão alimentar e impulsividade. Resultados: A compulsão alimentar foi prevalente em meninas e a impulsividade em meninos; 38% da amostra estava acima do peso saudável, dos quais 13% simultaneamente com obesidade/obesidade grave, compulsão alimentar e altos escores para impulsividade. A associação entre IMC e impulsividade pontuou valores próximos do nível de significância estabelecido no estudo (chi square = 14.85, DF = 8, p = . 062). Conclusão: O Teste Palográfico mostrou boa sensibilidade e especificidade justificando a aplicação do presente protocolo em desenhos de estudos que comportem amostras maiores e que preconizem as diferenças sexuais.

Palavras-chave


Impulsividade; Compulsão alimentar; Obesidade; Adolescente; TDHA.

Texto completo: HTML PDF


Universidade Federal do Rio de Janeiro - Centro de Filosofia e Ciências Humanas - Instituto de Psicologia

Av. Pasteur, 250 - Pavilhão Nilton Campos, Praia Vermelha - Urca
CEP: 22290-902 - Rio de Janeiro-RJ - arquivosbrap@psicologia.ufrj.br
Portal Capes
Minerva

Indexação
Lilacs
Pepsic
Index Psi Periódicos (BVS - Psi)
Latindex
Scopus
Clase
Psicodoc
Redalyc
PsycINFO

Apoio:
UFRJ/Capes/CNPq/FAPERJ